Descrição:

As ações que têm o objetivo de produzir inovações em políticas sobre drogas costumam encontrar resistência por parte das organizações policiais quando se buscam reunir instituições e entidades envolvidas para a discussão do tema. No entanto, são as polícias as instituições estatais que sofrem diretamente as consequências mais árduas da política de guerra às drogas: as baixas de policiais decorrentes dos confrontos com grupos armados movidos pelos lucros do comércio ilícito de drogas.

É com o objetivo de fornecer um espaço aberto para discussão entre pares, buscando um debate de alto nível e qualificado pelas diversas experiências dos agentes da lei, que a Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro e o Comando das Unidades de Polícia Pacificadora (UPP), em parceria com o Viva Rio, realizam o Encontro Estratégico de Segurança Pública e Políticas de Drogas, no período de 19 a 21 de setembro, na cidade do Rio de Janeiro.

O Encontro reúne 30 policiais e executivos de segurança pública de diversos países do mundo e de diversas regiões do Brasil, a fim de compartilhar experiências inovadoras na abordagem da questão das drogas.

Objetivo:

Este encontro vai reunir policiais de diversas regiões do mundo – a maioria ainda ativa em suas corporações – para criar um espaço de discussão sobre políticas de drogas e a atividade policial nesta área. Neste sentido, busca-se discutir novas possibilidades de atuação da polícia para melhor atender a população, especificamente em áreas de policiamento comunitário, como é o espaço das Unidades de Policia Pacificadora no Rio de Janeiro.

Como resultado do encontro, os participantes publicarão uma Declaração, com recomendações concretas para o trabalho policial, tanto nas UPPs quanto em outros modelos de policiamento comunitário, no que diz respeito à atuação do profissional de segurança pública e as drogas.

Mais informação.