O governo Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou um projeto para facilitar a internação à força de dependentes graves de drogas.

A divulgação foi feita após ele ser questionado sobre a operação na cracolândia, centro de São Paulo, que completou um ano hoje. Reportagem da Folha mostrou que o tráfico continua no local.

O governo não deu detalhes sobre a medida. A Folha apurou que ela ainda está em fase final de discussão e que o anúncio foi antecipado por Alckmin.

A medida deve ser implementada nas próximas duas semanas.

Ler o artigo completo.

Registe-se para recever as Alertas mensais do IDPC e obter informação sobre questões relacionadas com as políticas de drogas.