Sabe-se que a prevalência do VIH/SIDA e outras infecções transmitidas pelo sangue é alta nas populações vulneráveis. Existem preocupações acerca de um ressurgimento da epidemia do VIH concentrada em populações chave na União Europeia (UE) e nos países do Espaço Europeu de Comércio Livre (EFTA).

Os prestadores de serviços e líderes da comunidade de toda a Europa decidiram desenvolver recomendações políticas para informar as decisões políticas na Europa, tanto a nível nacional como a nível da UE, com uma visão de reduzir a existência de desigualdades de saúde relacionadas com o VIH/SIDA.

As recomendações políticas focam-se na epidemiologia do VIH que afecta os 4 grupos de risco (UDIs, migrantes, trabalhadores sexuais e MSM), a adequação das políticas e programas actuais, e as implicações e recomendações para os decisores políticos nos níveis nacional e da UE.

A EATG criou 10 recomendações políticas dentro do contexto da Correlation Network. A Correlation Network é um projecto financiado pela Comissão Europeia cm o objectivo de enfrentar as desigualdades de saúde na Europa e para melhorar os serviços de prevenção, cuidado e tratamento, tendo como alvo as doenças infecciosas de transmissão sanguínea (BBID), particularmente a Hepatite C e o VIH/SIDA nas populações vulneráveis e de alto risco (ex. utilizadores de droga e jovens em risco).

O Grupo Europeu de Tratamento da SIDA (EATG) lidera as actividades do Pacote de Trabalho das Recomendações Políticas do VIH/SIDA. O objectivo do pacote foi o de analisar a vulnerabilidade de 4 grupos para a transmissão do VIH (UDIs, migrantes, trabalhadores sexuais e MSM); analisar as intervenções políticas existentes; e fazer recomendações para cada grupo.

Mantenha-se a par dos desenvolvimentos das políticas das drogas subscrevendo o Alerta Mensal do IDPC.